domingo, outubro 22, 2006

 

FAZ O TEU CAMINHO

As mulheres afgãs voltaram a usar a burka. Fizeram-no para fugir da violência das famílias, dos pais , dos irmãos, que lhes queriam impor casamentos contratados. Ousaram cobrir de novo seu rosto e seu corpo para poderem fugir, para serem livres de viver a sua própria vida, para amarem quem elas muito bem entendessem, de acordo com as suas escolhas.
Há anos atrás, eu e outras colegas ousámos vestir calças e entrar assim na Escola Secundária que frequentávamos. Fomos chamadas ao Director e à professora de Moral que quiseram inteirar-se das nossas razões, já que nenhuma aluna se atrevera antes a fazê-lo. Era Inverno e dissemos apenas, com inocência premeditada, que tínhamos frio.
Hoje ninguém pensa nisso, mas nas escolas e nos empregos as mulheres eram obrigadas a usar saias, com sol e com chuva. O uso das calças generalizou-se; os calções, os tops, vestidos curtos, vestidos compridos com grandes rachas de lado ou atrás são vistos a qualquer hora. As mentalidades evoluíram o suficiente para aceitar outros hábitos , outras formas de estar. As mulheres lutaram para entrar nas Faculdades, para conduzir um autocarro ou entrar no Paris-Dakar, para ocupar cargos que antes lhes eram vedados, para terem direito de voto, de palavra, de independência, como lutaram também pelo direito de serem Mães se assim o entendessem.

Hoje estas lutas já não têm razão de ser, fazem parte de um passado recente , aqui em Portugal. Não fiques agarrada a isso , ao que já foi. Mas , e agora? – perguntas tu.
Agora é tempo de agir doutra forma, de pôr de lado a violência doméstica (sob qualquer forma), o assédio, o preconceito. Tempo de seres tu mesma, cultivando a tua auto-estima, deixando de viver em função daquele amor rançoso, daquele pai, marido, filho, chefe, patrão, colega, amante, amigo(a) subtilmente prepotente, tempo de fazeres as tuas escolhas e decidires por ti, de te levantares de manhã e dizer basta. Tempo de usares a tua roupa favorita, o teu penteado ao teu estilo, de pores as tuas cores. Tempo de te re-construires. Tempo de VIVER – tenhas 20, 50 ou 70.

Tens as paredes pintadas em tons de cinza ou branco, usas roupas em tons escuros, a tua roupa de cama é parda, sem vivacidade ou simplesmente todos os lençóis e toalhas são brancos, as cortinas das janelas também ? Pois ousa mudar .
Começa já hoje que é Domingo, dia de tons amarelos, a lembrar o Sol e o fogo , diz
ELE . É a cor básica do homem. Significa acção, conquista e energia nos procedimentos. Os tons amarelos e alaranjados beneficiam a produtividade e são anti-depressivos, contrariamente aos cinzentos. O amarelo estimula as faculdades mentais, contribuindo para despertar o amor-próprio; o laranja está ligado à saúde mental e aos músculos sendo utilizado em períodos de convalescença e durante o tratamento de problemas emocionais /depressivos. Não queres mudar o tom das paredes? Pois muda de cortinados, compra uns em tons laranja ou amarelo, arranja uma manta ou umas almofadas para os sofás, a condizer e na mesa ou na estante , um ramo de flores . Se gostares , podes também ter um peixe dourado ou laranja, num pequeno aquário. Compra umas plantas – agora é altura de pôr bolbos de tulipas, narcisos, coroas imperiais, lírios e cuida-as amorosamente, dentro ou fora de casa. Escolhe roupas de cama nesses tons e toalhões também - verás como até sentes menos frio durante o Inverno. Ao levantar, toma um duche revigorante com as essências adequadas ao teu signo e põe de lado aquelas cores tristonhas que logo pela manhã nos angustiam, dão volta às entranhas e nos retiram a força de acreditar. Cuida de ti, sorri para ti própria até gostares de te ver ao espelho. Não fiques a lamentar o ontem, porque o passado aconteceu para que pudesses chegar até aqui. Abre a porta de casa com alegria , vai para a rua
e faz o TEU caminho.
se estas indecisa, tens tempo e nao sabes onde ir
aparece no NAZARE e divulga por favor :) todas as ajudas são poucas xi maria de são pedro

Comments:
Que texto delicioso....
 
obrigada , piedade sol

o teu nome vem mesmo a condizer com o texto.

tem um bom dia
 
Em primeiro lugar o meu MUITO OBRIGADA pelo teu carinho:)

depois de golfinhar 1 semana cá estou a regressar ao mundo (I)real... pois eu ainda tenho a capacidade de resmungar, de ir à luta e até de de me oferecer como voluntária para cuidar de um golfinho bebé que foi bafejado pela sorte de ter um grupo incrível de GENTE que mais não são do MISSIONÀRIOS!!!
gostaria de ter sido eu a escrever este texto que tu aqui apresentas... pois é!!!
não se consegue ficar nas tintas com tamanhas barbaridades que caem sobre as mulheres... não de todo!!!! Por isso estive 2 anos sem Editor porque de modo "estranho" devo ter atingido algum(alguns) machos quando escrevi o meu livro SENHORES DO MEDO em que é abordada a violência doméstica em Portugal.

aparece no http://blog.socpvs.org e divulga por favor:)

todas as ajudas são poucas
xi
maria de são pedro
 
Excelente! Excelente! Excelente! Excelente! Excelente! Excelente! Excelente! Excelente! Excelente!

Excelente, em qualquer momento do dia, da noite, da semana, do mês, do ano.

Excelente, em qualquer momento vida.

Excelente é isto - funcionar numa oitava superior, quando o corpo físico e a mente estão alinhados com uma visão superior.

Excelente, é quando um domingo chuvoso e cinzento é transformado num dia luminoso porque se leu um texto feito com o coração em sintonia com a alma.

Um abraço de admiração e gratidão.
 
Magnìfico post, "serem livres de viver a sua própria vida"
Beijos
 
Jeito bom de começar um domingo de sol no Brasil!!!
 
Greentea, lendo o teu texto me vem à cabeça a importância da mulher. Já viste que quando ela resolve mudar tudo para que o Sol entre pela casa a dentro ela beneficia também todos à sua volta?
Olha, numa das salas tenho um aquário com peixinhos coloridos e luz. Na outra, tenho uma pequena fonte dessas que se ligam na tomada e faz a água jorrar e renovar as energias.
Vestir-se de cores claras, a casa e você, é sempre muito bom.

beijos de domingo
 
Muito legal o lance de escolha de cores quentes. Boa dica. Gosto de alaranjado.

Em pleno Rio de Janeiro, capital do Brasil ainda, minha mãe era considerada mulher de má reputação porque trabalhava fora e usava calças compridas. Agora é difícil encontrar uma garota vestida perto da praia de Ipanema.
 
Muito bom o teu texto. Gostei do teu canto. Vou voltar.
:)
 
Este caminho faço sempre que posso. Uma coisa é certa, nos acostumamos tanto com a vida rotineira que as vezes não percebemos pequenos sinais a nossa volta. Sinais de mudança constante e acabamos nos fechando para novos caminhos. Voltar a ser como era antes é muito difícil. Talvez até conseguíssemos resgatar um pedaço do passado, porém jamais seremos igual ao que fôramos. Viver é renovação. O mundo não está inerte, ele vibra.

Beijos sagrados.
 
Obrigada ...este texto fez-me reflectir muito sobre a minha pessoa, tenho mesmo que cuidar de mim, o quenãotenho feito até então, apesar de todos acharem, que sim!!! Tenho que cuidar bem d mim até...sempre...

Obrigada.

Um carinhoso beijo sereno.
 
LUA DE LOBOS

ONTEM NAO CONSEGUI TER TEMPO PARA RESPONDER A NINGUEM - OUTRAS MISSOES ME CHAMARAM!!
Pois eu gostaruia de ter tido a disponibilidade para ir ate ao Nazare e passar uma semana com ele.
Agradeço os teus comentarios e vou procurar os SENHORES DO MEDO, porque e um tema que sempre me fascinou, sob qualquer forma - gostava de entender as razoes que levam a essa violencia, como se formam esses disturbios e como muitas mulheres os toleram ....
nao me espanta que ficasses sem editor. Ha uns anos fiquei uns meses sem trabalhar : entrava todos os dias a hora normal, sentava-me a secretaria, passava todo o dia olhando aqui e alem, o trabalho foi -me retirado pelo big boss e saia calmamente a hora normal de saida. Nao arredei pe e a situaçao resolveu-se com gde ira do outro. Qd bem entendi fui eu que sai de livre vontade !

beijos para ti
 
antonio rosa

se calhar , prevendo ja um inverno cinzento e apesar de as paredes da minha casa nao serem cinzentas, no mes passado dei um toque na sala e puz umas simples cortinas em tons de laranja just para filtrar a luz do sol e nos sofas de tom neutro corr de burro quando foge acresci umas mantas ligeiras alaranjadas. As plantas sao sempre um must onde eu estiver la fora ou ca dentro. E ficou extremamente agradavel.
Para mim o sol e essencial e se os dias sao cinzentos , tenho de o reinventar noutras pequenas coisas...
Obrigada pelo teu comentario
 
rodolfo

todos deviamos ser livres de viver a nossa propria via.

Alguns nao sabem . Nao conseguem . e tristemente, vivem a vida dos outros.
Um abraço ate Buenos Aires. Vai un Tango?
 
ghiza

aqui fazia trovoada, chuva e vento forte

bem precisamos do SOL

beijos.
 
pitanga


tudo sao pequenos sinais, mas muito importantes

se nao deixarmos a agua correr e tudo clarificar, encher de LUZ o que seria de nossas vidas?
por vezes ha dias tao amargos ...

beijos com sabor a laranja.
 
tina

estou a imaginar - tua mae era bem evoluida para a epoca... sem duvida.

ainda bem . E tu aprendeste decertp com ela ..

beijos para ti . E as melhoras.
 
olga

tambem irei conhecer o teu espaço.

umm beiji pela visita
 
bruxinha

todos os dias saio diferentes , cada dia com sua vibraçao.

um beijo para ti
 
serenidade

ainda bem que assim e

um beijo de laranja doce para ti.
 
Que lindo texto. Muitas vezes (quase sempre) eu penso q ser mulher é um castigo. Apesar de tudo o q em tempos outras mulheres conseguiram p nós, ainda o é.
Beijitos.
 
xica

nao vejo nada disso, castigo nenhum...temos tanta coisa maravilhosa a nossa disposiçao , se assim quizermos

provavelmente cada um tem (e) a mulher que merece...as que aceitam a violencia dos pais dos maridos dos namorados, a violaçao, a injuria, a humilhaçao, o servilismo...terao um dia de dizer basta ...e mudar o rumo as suas vidas tal como as afgas q voltaram a envergar a burka!
 
Pois é. Mas as revoluções deveriam contemplar os interiores. Só assim os caminhos são escolhas livres.
Bjo
 
Na minha opinião não acho q seja assim tão linear, mas ainda bem q assim pensas.
Li este livro há cerca de duas semanas: "Vendidas" de Zana Muhsen. Não sei se conheces, mas é uma história verdadeira contada na primeira pessoa. Acho que vais gostar.
Qt aos cães, cheguei a perguntar a umas associações o q sugeriam, mas c todo o trabalho q têm ainda não devem ter tido tempo de me responder. Espero q, realmente alguém os tenha recolhido.
Beijitos.
 
Lindo texto, grandes verdades, renovação possível!!!

Gostei muito, também, do comentário deixado no meu post das gaivotas, obrigado,

Um abraço, greentea.
 
ant

os interiores de quem?muitas mulheres continuam na sombra , acatando e sorrindo como se continuassemos a viver no seculo passado.

Muitos homens tb.
 
xica

nao e nada linear , muita gente e muitas mulheres, acomodam-se ou nao querem perder certo estatuto...conheci quem preferiu continuar a apanhar pancada qd o marido bem lhe apetecia que se divorciar de um sr Director de Empresa - qd voltava a aparecer em publico dizia que tinha crises cardiacas para ter tempo de curar as nodoas negras...

Opçoes de classe!
Nao li esse livre mas tentarei.
Obrigada pelo interesse pelos caes mas deve estar o assunto resolvido e os gatos ja estao sossegados de novo. Beijinhos
 
miahari


a renovaçao esta em nos, se a quizermos
 
Olá Greentea!
Que pena não poderes usar bijuteria!
Fiquei reconfortada ao ler o teu texto. Sabes, tenho uma tendência natural em usar em casa o amarelo. Realmente aquece o ambiente!
Beijinho, Lu
 
Li e tenho que aplaudir este grito de liberdade!

Achei brilhante este post, apesar de não me ser destinado! Mas como prefiro muito mais uma mulher assumida, realizada e feliz do que uma mulher embrulhada no cinzentismo do passado, tenho que aplaudir!

Saudações infernais!
 
ora belzebu

ainda bem que preferes mulheres assumidas as envoltas no cinzentismo, mas muita gente prefere esta segunda hipotese e nada feito....
 
arteminorca

ainda bem q gostaste do texto, mas creio que muito boa gente chegou aqui leu e deu meia volta, continuando na era do cinzentismo.... sorrisos e beijos para ti!
Ha dias fui a casa de uma senhora com sessenta anos bem contados. E viuva e mora sozinha. A casa tem pequenos toques de cor aqui e alem , ela propria vestia uma camisola nao garrida mas com umas pinceladas de verdes e rosa suaves e, muito interessante, tinha as maos tratadas e as unhas com uma cor outonal vermelho/alaranjado que lhe dava um ar sereno mas dinamico, confiante... Pequenas coisas!
 
que increible eres, tienes una magia maravillosa
esta bello lo que hoy regalas
mil besitos y mil felicitaciones mi linda amiga



besos y sueños
 
e tu tambem tens magia, freyja, claroo que tens e sabes usa-la quando bem queres.

Beijos para ti
 
Querida Greentea, Como tudo é relativo... eu, por exemplo, morando no Rio de janeiro onde, quando faz frio, são 18 graus; tendo pressão alta e sendo super calorenta, se usar laranjas e amarelos fortes sou capaz de ter uma síncope! Embora considere estas cores solares alegres e lindas,os azuis e verdes é que me caem muito bem!

breve estou de volta à ideália mas já te deixei resposta.

beijos quentinhos!
 
NO NOSSO VERAO OU EM PAISES TROPICAIS OS LARANJAS E AMARELOS TEM DE SER BEM DOSEADOS;
peço as minhas desculpas porque me esqueci que era lida pelo outro hemisferio onde agora e epoca de calor. Tambem uso a roupa da cama consoante o clima, no verao opto por tons azuis/verdes ou amarelos mais suaves para refrescar...

beijinhos
 
Greentea
Ainda a este respeito. Acho q muitas vezes o que falta às mulheres é amor próprio, segurança, meios p poder ser independente e isso não é algo que se consiga arranjar sozinha. Tenho uma prima que se não fosse a mãe a pôr o marido dela fora de casa ainda hoje ele estava lá em casa a bater-lhe e aos filhos e a ficar com a melhor parte do jantar p ele, qd eram os filhos q precisam.
Num meio como aquele em q eu vivo só mesmo ser agredida é q justifica uma separação e...
Hoje não é agredida pelo marido mas as irmãs e irmão tratam-na como uma incompetente e ela sujeita-se pq ganha o salário mínimo e tem 2 filhos p manter e o marido não lhe dá nada pq não trabalha e precisa da ajuda dos irmãos. Nada é preto e branco-há muitas zonas cinzentas.
Beijitos.
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?