sexta-feira, abril 07, 2006

 

Noivas

…o papá, na varanda, ao lado de D. Rosa, defronte da lua, redonda e branca sobre o rio, fazia gemer no silêncio os bordões e dizia as tristezas do conde Ordonho. Outras vezes jogava ele a partida de gamão : D. Rosa sentava-se então ao pé da titi, com uma flor nos

cabelos, um livro caído no regaço; e o papá, chocalhando os dados, sentia a carícia prometedora dos seus olhos pestanudos. Casaram. Eu nasci numa tarde de Sexta-feira de Paixão. ( A Relíquia de Eça de Queiroz)

É tudo belo! Porém mais belo ainda,
Cristina linda, é teu puro olhar,
Calmo, sereno como o infindo Céu,
que a todos deu inclinação p’ra amar.

Tu tens meiguice, sedução, encantos
Sublimes, tantos que do Céu te vêm;
Do prado a flor mais inocente e pura,
Maior candura que a tua não tem.

Do rouxinol o mavioso canto,
Suave encanto é do seio teu,
Quando alta noite, meigos sons divinos
Desfere em hinos, p’ra saudar o céu.

Do Firmamento na amplidão amena,
Brilhar serena não vês a estrela
Em que, Cristina, se retrata, pura
A doce alvura da tua bela fronte?

Enlevo meu, a linda face tua
A luz da Lua com amor beijou,
A suavidade, a magia e brilhos
Do astro filhos, teu olhar herdou.

Quanta alegria dá o teu sorrir!
Vale um porvir de ventura imensa!
Sorrir de virgem, que de amor cativa
De amor aviva no meu peito a crença.

Crença indelével, que em liames ternos,
Firmes, eternos, nos ligou, querida,
E que vivifica o sagrado lume,
Que em si resume, para nós, a vida.

Esta é uma prenda que José Caetano envia a Cristina, pelo seu 26º aniversário, em 27 de Julho de 1877. O casamento realiza-se quatro meses depois, em 29 de Novembro. Carlos , Artur, Maria e João são os seus filhos.

(Cristina do Guadalupe, assim chamada, era minha bisavó)

Fotos: Champagne para dois; Casal - pintura de Botero; Lady lilith -de Rossetti

Maria Cristina - pintura de Columbano Bordalo Pinheiro

Manuel Jardim - pintura


Comments:
Bom diiaaaaaaa!
:)
Já volto para te ler com a atenção que mereces!

beijos,
até já
em um dia muito feliz!
 
bom dia, como tu mereces, sa.ra!!!
 
Mas que preciosidades, Greentea! Adorei!
Aproveito para te desejar uma boa Páscoa, não vás tu desandar.
Bj
 
E viva os Noivos! :) :) :)
 
PERCEBI BEM??????

percebi que essa carta linda foi escrecita pelo teu bisavô à tua bisavó?

coisa linda!
estava a ler... e ia pensando ... é tão, tão Primavera!

se realmante esta carta fabulosa é o que estou a pensar... que maravilha e que vontade essa que anima os teus dias, para a partilhares na tua página a cor-de-rosa!

beijinhos!
um dia muito feliz!

(deixei-te uma perguntinha lá no Soukha)
 
este poema foi escrito pelo meu bisavô José Caetano para a sua noiva Cristina, minha bisavó.

Nunca os conheci mas a minha avó falava especialmente do pai com muita ternura; e da mãe rferia que era muito exigente, austera e que não suportava comer caldos de galinha, ficando completamente doente qd lhos davam nalguma indisposição ou a seguir a um parto, como era hábito na época...
 
Querida amiga Greentea,

eu ando que querer construir uma aldeia e também não bem como...

para já, fico-me pela aldeia virtual...

mas, não morro sem fazer a minha aldeia, lugar de coisas genuínas... que me fazem bem e aos outros... com terapias alternativas... com agricultura biológica...
turismo para o coração, para alma...
lugar também para se viver e deixar-se ficar!

são sonhos... que sejam!
"I have a dream!"

beijinhos!
ainda temos de brindar aos sonhos, com tissanas!
 
http://www.jampaias.com/

gosto disto!
espreita!
 
é dentro desse género que eu digo; com a diferença q naquela aldeia são casas dispersas que foram ficando desabitadas devido à desertificação, a própria escola fechou porque não há crianças e a agricultura é tradicional, quem ainda a faz ; não se pode dizer que seja bio, mas as pessoas antigas não usam pesticidas nem nada disso querem tudo "puro"...

vê tb

www.tamera.org linkado como tamera

e http://estadoenteparabens.com.sapo.pt linkado em: está doente.

beijinhos, sa.ra
 
é por aqui, aí, assim...

é por aí... mas, digo-te... não sei como... não sei como ainda... mas haverei de saber!

se souberes primeiro, diz-me como!
:)

e acho a tua sugestão óptima... vou destacar... pode ser a noite estrelada veja...
seria tão bom para ela parar um bocado num lugar leve e limpo de todos este ruído e todas estas distracções, que tanto puxam por ela...

(guerdei os links nos favorito... vou gurdando... nunca se sabe...
temos de falar disto à Jardineira Aprendiz!)

beijos, beijos!
(afinal eram mesmo os teus bisavós... que bom e bonito ainda teres isso contigo :)
 
Ainda haverá amores assim?!
 
Desejo-te apenas uma feliz e santa Páscoa com os teus :)

P.S-» Se notares a minha ausência, não te preocupes e recorda-me apenas como 1 doce chocolate :)
http://5sentidos-enigmaticos.blogspot.com

Abraços carinhosos e especiais, carinhosamente Memorex
 
Bom fim de semana :o)
 
Que romântico, Greentea!
Aqui sou sempre surpreendida pela positiva!!! És o máximo!
Mas hoje mais admirada fiquei com a coragem que "alguém" nos deu logo de manhã para expressar aquilo que sentimos e em que acreditamos...
Um beijinho especial para ti, pelo ser bonito que és!
 
Haaa.... estou a ver de onde vem essa herança pética que te preeenche a alma... é bom saber-te nas tuas origens, faz sentido... obrigada por Seres!
 
...poética, claro! :)
 
obrigada girassol. tem uma boa noite e nunca te arrependas de ter a coragem de dizer o que pensas e agradecer aquilo que tens.
beijinhos
 
memorex, vou-me lembar de ti e dos teus chocolates, podes crer.
eu não sou muito gulosa, mas tb me sabe bem um chocolatinho preto amargo, às vezes com passas e nozes;
ou então, sei fazer uma mousse de clocolate com menta q é deliciosa...
beijinhos para ti e boa Páscoa, tb estarei uns dias fora daqui, do bulicio da cidade...
 
jardineira, cada um planta as flores à sua maneira e vive o amor da mesma forma; as vivencias dos nossos bisavós e dos nossos pais eram diferentes das nossas, como tb o serão das dos nossos filhos...
Só sei que este amor durou uma vida inteira e que ambos viveram até muito tarde, chegaram ao século vinte, sempre assim apaixonados. Há amores assim!
 
é a natureza , o brilho do verde, do sol e das estrelas que me enche a mente, eve
poeta não sou, mas gosto de divagar em comentários, de dar umas pinceladas de cor e luz, de retocar certos matizes.
um beijo para ti , eveonclouds
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?