segunda-feira, abril 03, 2006

 

G ...de Gingko Biloba, Gengibre, Ginseng


Desde o berço onde a avó espalhava funcho e ambâr para afugentar a "sorte ruim", Jacinto medrou com a segurança , a rijeza, a seiva de um pinheiro das dunas.
Não teve sarampo, não teve lombrigas. As Letras, a Tabuada, o Latim entraram por ele tão facilmente como o sol por uma vidraça.
Na idade em que se lê Balzac e Musset nunca atravessou os tormentos da sensibilidade - nem crepúsculos quentes o retiveram na solidão de uma janela, padecendo de um desejo sem forma e sem nome.
Eça de Queiroz - A Cidade e as Serras)



O âmbar é um derivado de resinas fósseis produzidas por certas coníferas do passado. O âmbar no solo preserva a flora e a fauna, envolvendo, ao cair, bolhas de ar que permitem estudar os niveis de oxigénio da atmosfera, no passado.

É muito apreciado pelas suas propriedades curativas e é também usado como talismã.


Ginkgo Biloba
Chamada pelos japoneses pelo carinhoso nome de Yin- Kuo, fruto de prata, o Ginkgo (Ginkgo biloba L.) considerado sagrado pelos budistas, sendo as suas árvores plantadas nas entradas de todos os templos. Descrita pela primeira vez pelo médico alemão, Engelbert Kaelmpter, por volta de 1690 foi levada para a Europa somente no ano de 1727 sendo considerada como único fóssil vivo. O Ginkgo despertou o interesse de pesquisadores depois de resistir ao ataque aéreo da bomba atômica na cidade de Hiroshima, Japão, quando voltou a brotar sob as ruínas da cidade devastada. O Ginkgo, que faz parte do milenar arsenal terapêutico chinês, adapta-se muito bem às características urbanas e em clima temperado, não sendo exigente com os solos e resiste muito bem à poluição pesada, insetos, fungos, bactérias e vírus.O GINKGO (Ginkgo biloba), contém substâncias activas capazes de melhorar a insuficiência vascular cerebral e periférica, sendo indicado para o tratamento de distúrbios de memória e concentração, vertigens e labirintite.




Guaraná
Nativa da Amazônia, o Guaraná foi descrito pela primeira vez em 1826 pelo botânico alemão Karl von Martius. Segundo a lenda, o Guaraná nasceu dos olhos de um indiozinho da tribo Maués morto pelo índio Juruparí, o mau espírito e invejoso. A tribo Maué ficou desconsolada e não acreditava no que havia acontecido. Do céu veio um raio, enviado por Tupã, que interrompeu as lamentações de todos: teriam que retirar os olhos do pequeno índio e plantá-los para que deles nascesse uma planta sagrada para saciar a fome, o cansaço e doenças dos Mauenses. A cova foi regada com lágrimas de todos da tribo e em seguida os olhos foram enterrados. Ali nasceu o primeiro pé de Guaraná. Hoje sabe-se que o Guaraná tem ação comprovada no auxílio de esgotamento físico e mental, astenia, depressão nervosa, estresse, enxaqueca e estimulante da atividade cerebral.


O gengibre é uma planta perene que cresce na Índia, na Jamaica e na China. Produz flores verde-púpura que se assemelham às orquídeas. Seu rizoma (raiz) é subterrâneo e em geral constitui a parte mais apreciada da planta. Foram atribuídas numerosas propriedades ao gengibre, incluindo seu uso como antiemético (anti vômito). Este efeito foi estudado em sere humanos principalmente em casos de enjôo por cinetose (movimento) ou enjôo de mar, bem como para náuseas e vômitos pós-operatórios, onde resultados positivos foram alcançados. Tomado aos primeiros indicios de uma gripe ou constipação, um chá de gengibre pode ajudar a desobstruir o nariz e estimular o fígado libertando as toxinas. O gengibre tem também propriedades anti-inflamatórias nas artrites e osteo-artrites, podendo ser utizado na comida, como tempero, substituindo o sal.


O Ginseng brasileiro ou Pfáfia, é uma planta originária do Brasil também encontrada no Paraguai, na Argentina, Bolívia e Colômbia. Os índios da Amazônia deram a ela o nome de "paratudo" (bom para tudo) e passaram os seus conhecimentos medicinais sobre o Ginseng aos sertanejos. No total são encontradas 41 espécies, sendo que 22 estão no Brasil, principalmente, nas regiões do Paraná e Mato Grosso do Sul.O GINSENG (Pfaffia glomerata), é indicado como auxiliar em casos de perda gradativa de memória, principalmente em memórias de curto prazo (relativas aos fatos e às informações corriqueiras, obtidas no dia a dia) e declarativas (relativa à lembrança de fatos, tempos, locais e objetivas no dia a dia).


Plantas medicinais - Dr Omar Moisés

http://raulybarra.com


Comments:
Bom dia, já passei por Sintra e adorei, agradeço a informação dos passeios de burro, coisa deliciosa...devido à distância nem tão cedo poderei experimentar, mas resta-me fazer-lhe umas visitas para ir vendo como são. Excelentes fotos e textos, gostei muito do blog. Vou voltar.
Beijinhos.
 
Que herbário!!!!

G de generoso!

e G de grata!

para G de Greentea!

beijos
um dia muito feliz!
 
O meu marido é fã do Gingko biloba e temos lá em casa e bebemos chá de G. biloba e ele come iogurtes de G. biloba!
É uma árvore fantástica, por tudo!
Beijinhos!!
Musa
 
não conheço iogurtes de gingko - hás-de ensinar-me essa...

bebo chá e pastilhas , para manter a memória fresca e activa!
beijinhos, musa
 
o´sa.ra, eu não tinha dado essa conutação aos G...
tenho de arranjar tres S para te agradecer
Um dia bom para ti
 
mdeus, Sintra é linda mas os Açores não ficam atrás , cada um no seu género - de facto estamos um tanto longe para ir de burro ou a nado...
Mas um dia destes prometo q voltarei a Ponta Delgada e às outras ilhas q quero conhecer
beijinhos.
 
ups...gengibre. já é boa tarde de certeza. bjinhoss.
 
Oláa Greentea**! Tudo bem??
Nao encontrei a minha supresa:S... beijinhos fofos
 
As coisas que esta menina sabe! E o bem que estas coisas fazem à nossa rica saudinha. Bom, boa semana e muito guaraná
 
Ola , linda estrela do mar
Gostei imenso do teu post de hoje - é muito importante e como tu dizes um surdo é tão inteligente (ou mais) do que qualquer outro e penso que , (à semelhança dos que não podem ver) vocês terão outras hipóteses extrasensoriais mais desenvolvidas - aquilo a que se chama o 6º sentido;
ainda bem que apareceu a net pois é uma possibilidade óptima de comunicar com toda a gente, independente de falarmos, ouvirmos cheirarmos; há agora muitos cursos que se tiram pela net, mesmo equiparados a cursos superiores.
Alguns são brasileiros, outros em linguas espanholas mas acho q é óptimo, dependendo da área que se quer seguir.

A surpresa que eu deixei já foi no mês passado : utilizei as fotos do artista azul, o Pedro, para o post que fiz. Ele também só viu uns dias depois e acho que ficou contente.
Vou pôr este comment no meu post , pois acho que a questão q tu abordas é muito importante.
Beijinhos e boas férias.

3.4.06
 
Ah! Greentea se soubesses como é forte a minha ligação à Ginkgo Biloba! Tenho uma relação muito forte com esta árvore:

http://soprarpalavrasaovento.blogspot.com/2006/01/ginkgo-biloba-inspira-me.html

Tão giro! As «malhas» vão-se apertando...

Bj
 
Greentea:
Passei só para deixar um beijinho.
Até sempre.
 
Pois, Greentea, fiquei um pouco baralhado, porque quando abri o teu blog, encontrei o post deste dia dedicado à "estrela do mar", que não conhecia e onde fui imediatamente.
Qual não foi o meu espanto, quando volto deparo com todas estas plantas que sei com propriedades estraordinárias para a saúde.
Mas, já agora, será que eu fiz confusão e... o sono deu-me volta ao miolo?...
 
muito interessantes e bonitos os teus posts como sempre.Acho maravilhoso homenageares sempre tudo o que se relaciona com o planeta Terra.É um berço muito bonito para o nosso querido planeta azul...
 
Um post instrutivo :oD
Acho que o teu blog devia ser co patrocinado pelo ministerio da educação :oD
 
baralhada estou eu amaral que não sei o que aconteceu ao post da estrela do mar...
 
pelo Ministerio da Educação, Nékynho .....................?

Que comment tão delicioso ....
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?